Dedetizadora Curitiba

Dicas de dedetização
BedBugs!
22 de novembro de 2016
0

Com a globalização, as viagens ao redor do mundo são cada vez mais comuns, especialmente em meses de férias e períodos de feriados prolongados. Com o aumento de pessoas viajando traz também o aumento de uma preocupação: os percevejos de cama.

E não adianta pensar que estará livre desse problema por causa do destino de sua viagem. Esses insetos podem estar desde em uma cabana à beira de um lago até em um resort cinco estrelas. Essa praga tem sido realmente uma situação alarmante para os viajantes, pois não apenas pode ser encontrada em hospedagens de todos os tipos, como também em ônibus, trens e até aviões.
Por serem pequenos e estarem espalhados por toda parte, percevejos de cama podem ser facilmente (e inconscientemente) transportados para sua casa, usando seus próprios pertences – tais como malas, mochilas e caixas – como carona.  Como boas pestes que são, os percevejos também são capazes de sobreviver a diversas condições inóspitas, e por tudo isso é fundamental que se tenha cuidado tanto durante quanto depois das viagens. Um estudo realizado em 2015 pela NPMA (National Pest Management Association) em conjunto com a Universidade de Kentucky descobriu que 99% dos serviços de profissionais do controle de pragas requisitados no ano anterior haviam sido contratados devido a casos de percevejos de cama, sendo 75% deles em hotéis e motéis.
Apesar disso, todos merecem aproveitar uma viagem, seja a lazer ou a negócios, em segurança. Por isso, aqui estão algumas dicas sobre o que você pode fazer para evitar os percevejos de cama:
– Quando estiver em hotéis, inspecione completamente todo o ambiente antes de desfazer as malas, verificando principalmente a parte detrás da cabeceira da cama e o mobiliário. É importante retirar os lençóis da cama para verificar as costuras do colchão, procurando sempre não apenas pelos insetos, mas também por manchas, peles soltas dos insetos e ovos.
– Se você suspeitar de uma infestação, notifique imediatamente a gestão e mude de quarto. Certifique-se de que seu novo quarto não seja vizinho ou localizado diretamente abaixo ou acima daquele com infestação que você acabou de desocupar.
– Mantenha malas em sacos de lixo plásticos ou caixas fechadas durante a estadia no hotel para evitar que os percevejos de cama se abriguem nelas sem que você perceba – afinal, estar no controle total do ambiente o tempo todo é realmente muito difícil – e evite colocá-las na cama.
– Ao voltar para casa de uma viagem, inspecione todas as malas e demais pertences antes de levá-los para dentro.
– Lave todas as roupas – mesmo aquelas que não tenham sido usadas – em água quente e seque-as na secadora com configuração extra quente.
– Nunca leve móveis de segunda mão, especialmente colchões e estrados, para sua casa sem examiná-los cuidadosamente, atentando para sinais de infestação de percevejos.
– Inspecione regularmente os locais onde seus animais dormem, prestando atenção em manchas, peles soltas dos percevejos e ovos.